Give us a call
808 200 333

Centro de Contacto - Dias úteis das 9h às 18h

Dias úteis das 9h às 18h

Qual o impacto do consumo de bebidas alcoólicas na gestão de peso?

Qual o impacto do consumo de bebidas alcoólicas na gestão de peso?
Qual o impacto do consumo de bebidas alcoólicas na gestão de peso?
Partilhar:
Partilhar:

Qual o impacto do consumo de bebidas alcoólicas na gestão de peso?

 

As bebidas alcoólicas são amplamente consumidas em todo o mundo, desempenhando papéis variados em diferentes culturas e sociedades. Desde celebrações até momentos de relaxamento, as bebidas alcoólicas possuem um lugar único na vida das pessoas. No entanto, o seu consumo acarreta uma série de processos metabólicos e, dependendo da frequência e quantidade, pode ser prejudicial não só à saúde como ao seu processo de emagrecimento.

Quer saber como? A Dieta3Passos explica-lhe.

O álcool, também conhecido como etanol, é metabolizado no organismo por meio de um processo que envolve várias etapas. A maior parte do álcool ingerido é metabolizado no fígado, onde é convertido em substâncias menos prejudiciais antes de serem eliminadas do corpo. Quanto maior o teor alcoólico das bebidas ingeridas, maior o seu impacto metabólico e consequências deletérias para a saúde. O metabolismo do álcool também tem um impacto no peso corporal, pois o consumo excessivo de álcool pode contribuir para o ganho de peso, através do excedente calórico.

 

Como é então o álcool metabolizado?

Quando uma pessoa consome bebidas alcoólicas, o álcool é absorvido principalmente pelo estômago e pelo intestino delgado e entra na corrente sanguínea. Depois, é distribuído por todo o corpo, afetando diversos órgãos e sistemas. O fígado é o principal órgão responsável pela oxidação do álcool. Enzimas, sobretudo a álcool desidrogenase (ADH) e a aldeído desidrogenase (ALDH), quebram o álcool em acetaldeído, um composto tóxico para o nosso organismo. O acetaldeído é convertido em acetato, uma substância menos prejudicial, pela enzima ALDH. O acetato poderá ser usado como fonte de energia pelo corpo ou convertido em outras substâncias, como água e dióxido de carbono. Por fim, o acetato é então eliminado do corpo principalmente pela urina e pela expiração.

Como já referimos anteriormente, o consumo de bebidas alcoólicas pode também impactar a sua gestão de peso, até porque o órgão onde o álcool é metabolizado, o fígado, é o mesmo que se responsabiliza pela quebra de gordura em compostos que o seu corpo pode usar como energia.

Obviamente, este impacto no peso corporal pode variar com vários fatores, incluindo a quantidade de álcool consumida, a frequência do consumo e o estilo de vida em geral da pessoa. Contudo, podemos referir 4 formas como poderá impactar negativamente o seu peso:

  1. Calorias extra:

O álcool é caloricamente denso, o que significa que tem muitas calorias em relação ao seu peso. Um grama de álcool fornece cerca de 7 quilocalorias, pouco menos que a gordura e quase o dobro dos hidratos de carbono e proteína. O consumo excessivo de álcool pode contribuir para aumentar o consumo calórico total e, se não for feito um ajuste no balanço energético com atividade física ou redução de calorias noutras refeições, pode levar ao ganho de peso.

 

  1. Alterações metabólicas:

O metabolismo do álcool pode afetar a forma como o corpo metaboliza outros nutrientes, como hidratos de carbono e gorduras. Isso pode, potencialmente, contribuir para acumular (mais) gordura.

 

  1. Escolhas alimentares menos saudáveis:

Ingerir bebidas alcoólicas pode influenciar as escolhas alimentares, levando ao consumo de alimentos ricos em calorias e/ou pobres em nutrientes. Afinal, quem não conhece o típico combo cerveja e amendoins? Esta influência das escolhas alimentares pode contribuir para o aumento de peso ao longo do tempo.

 

  1. Impacto no rendimento desportivo:

Responsável por causar desidratação, prejudicar a recuperação e diminuir a força, resistência, coordenação e equilíbrio, quando consumido em excesso, o álcool pode prejudicar a sua performance desportiva. Por impactar também a qualidade do sono e levar a uma diminuição da motivação e vontade de praticar exercício, o que pode afetar negativamente o balanço energético e a gestão de peso.

 

Portanto lembre-se, o consumo excessivo de bebidas alcoólicas pode ter um impacto significativo na gestão de peso devido às calorias adicionais consumidas, às mudanças no metabolismo e às escolhas alimentares. O seu consumo moderado e consciente, juntamente com um estilo de vida saudável, é importante para manter um peso saudável e um bem-estar geral. Por isso siga o nosso concelho, beba com consciência e moderação.

Comece agora a fazer por si