3 Momentos em que deve desvalorizar o peso na balança

Subiu para a balança e… Surpresa, o valor que encontra no visor não é o que esperava. Fica frustrado e desiludido, estava com menos peso? Mas até que ponto é que o peso na balança não pode ser influenciado por outros fatores? Será que o valor da balança é a única coisa que conta?

Descubra quais os 3 momentos em que deve desvalorizar o peso que vê na balança:

  1. Se está no período menstrual

Durante o período menstrual, existe uma grande alteração hormonal no corpo. Esta alteração leva a um aumento da retenção de líquidos, que contribui para o aumento do peso e pode causar a sensação de inchaço. Deste modo, é normal que o valor na balança durante este período não seja o mais simpático, mas não se preocupe que depois volta tudo ao normal! Para diminuir mais facilmente o inchaço, utilize um drenante DIETA3PASSOS®.

  1. Se está obstipado

A obstipação é uma condição bastante comum, causada por vários fatores, como uma mudança de hábitos diários, mudança na alimentação ou sedentarismo. Sabia que a obstipação não só dificulta a perda de peso como também aumenta o inchaço na zona abdominal? Para facilitar o trânsito intestinal, aumente o consumo de alimentos ricos em fibra e ingira no mínimo 1,5L de água por dia.

  1. Aumento da massa muscular

Sabia que a massa muscular pesa mais que a massa gorda? Deste modo, ao aumentar a sua percentagem de massa muscular (que é algo positivo) irá, consequentemente, aumentar também o seu peso. Mas não vale a pena assustar-se, pois este aumento de peso é benéfico! O aumento da massa muscular vai permitir que tenha menos flacidez, irá aumentar o seu metabolismo e vai levar a que os seus ossos tenham um melhor suporte.

 

A luta contra quem vai à balança todos os dias

Cada vez mais os nutricionistas defendem que não é aconselhável pesar-se todos os dias. O valor na balança é apenas uma parte de todo o processo de emagrecimento e do caminho em busca da saúde.

Se está a ser acompanhado por um nutricionista, evite pesar-se entre as consultas. Uma pesagem semanal é suficiente, concorda?